BLOG

O que é um Sistema Solar On Grid e Off Grid?

Perfect Solucões - 06/08/20
       Quer ficar antenado sobre todos os termos relacionados à energia solar? Então vem com a gente, começando pelas diferenças entre um sistema ON GRID e OFF GRID.
Loja.png
          Um sistema solar, quando instalado, pode ser tanto ON GRID quanto OFF GRID. E é justamente sobre esses dois tipos de sistemas que nosso artigo falará hoje.
         O sistema ON GRID, também conhecido como grid-tie, é conectado diretamente a rede da concessionária. Dessa forma, quando há excedente de energia, esta é injetada junto a distribuidora em forma de créditos, os quais poderão ser usados por um período de 5 anos.
       Estes créditos são armazenados pela distribuidora, como se ela fosse uma espécie de bateria. Assim, quando não é produzida energia suficiente pelo sistema, é utilizada energia vinda da concessionária, e os créditos produzidos são abatidos na sua fatura de luz, gerando o equivalente a um “desconto”.
         Para que essa conexão com a rede pública seja possível, além da homologação do sistema pela concessionária, é necessária a instalação de um inversor. Este aparelho converte a energia gerada pelas placas solares em corrente contínua, transformando-a em energia elétrica de corrente alternada.
        Para saber mais sobre Homologação de sistemas solares, clique aqui.
           Já o sistema solar OFF GRID, como não é conectado com a rede pública, necessita de um banco de baterias para armazenar a energia excedente, dessa forma não é mais necessário pagar as faturas de luz. Assim, mesmo em dias nublados, chuvosos ou durante a noite, as baterias fornecerão a energia necessária para o local.
         Os sistemas de energia solar OFF GRID são mais recomendados para regiões remotas, como áreas rurais, pois não dependem da rede pública de energia. Para isso, além das baterias, é necessário um inversor elétrico, o qual converte a energia produzida pelas placas e manda para as baterias armazenarem-na. Contudo, o sistema OFF GRID é mais caro, por conta das baterias. Além disso, a vida útil delas é bem menor – em torno de 5 anos, ou menos – obrigando o usuário a trocá-las recorrentemente.
baterias.jpg
       Porém, novas tecnologias estão sendo desenvolvidas a fim de ampliarem a vida útil das baterias, assim como a capacidade carga e descarga, barateando o seu custo. A expectativa é de que, até 2030, esse tipo de bateria será amplamente comercializado, o que tornará os sistemas OFF GRID mais potentes e acessíveis.
         Se você vive em uma região urbana, com acesso à energia e deseja pagar menos na sua conta de luz, o sistema ON GRID é mais recomendado para você. O sistema de créditos e o preço mais barato são os argumentos mais fortes nesse caso.
Existem, ainda, os sistemas com inversores híbridos. Estes são equipamentos que permitem conectar baterias para armazenar o excedente de energia gerada. Quando as baterias já estiverem carregadas, o excedente é injetado na rede da concessionária.
           Para saber mais sobre os sistemas híbridos, continue acompanhando o nosso blog.
Att.
Equipe Perfect Soluções.